Webmail
quinta-feira, 6 de agosto de 2020

EM CIMA DA HORA

publicado em 09/09/2016

Quarto dia de greve forte cobra proposta decente

Paralisação atinge bancos que compõem a negociação, como Itaú, Bradesco, Santander, BB, Caixa; mobilização segue forte por aumento decente, proteção aos empregos, melhores condições de trabalho
 
A greve dos funcionários do Banco do Brasil, Bradesco, Caixa, Itaú, Santander e demais bancos segue forte e em clima de expectativa. Neste quarto dia de paralisação, sexta-feira (9), a federação dos bancos (Fenaban) e o Comando Nacional dos Bancários voltam à mesa de negociação. A proposta de 6,5% de reajuste, mais abono de R$ 3 mil pago uma única vez foi rejeitada em assembleias por todo o Brasil, e que definiram a greve por tempo indeterminado desde o dia 6.
 
“Esperamos que os banqueiros apresentem uma proposta melhor, que atenda às reivindicações da categoria. Isso não só nas cláusulas econômicas, como o reajuste e a PLR, mas também para os vales refeição e alimentação, auxílio-creche, na garantia dos empregos”, diz a secretária-geral do Sindicato, Ivone Silva.
 
FECHADOS
Além de agências de bancos públicos e privados em todas as regiões de São Paulo e de Osasco, amanheceram fechadas concentrações como o Casa 3 e o Vila Santander; Verbo Divino, 15 de Novembro, SAC e a Superintendência do Banco do Brasil; CAT, ITM, CTO e o contingenciamento do Itaú na Rua Fabia; Bradesco Alphaville, Osvaldo Cruz e Telebanco Santa Cecilia; Gifug e o prédio da Caixa no Brás.
 
“É a participação de cada bancário, de cada bancária, que garante o sucesso da greve. Avise ao Sindicato se a unidade onde você trabalha será fechada. E, ao lado dos dirigentes sindicais, debata com colegas para que ampliem a mobilização. Só a luta te garante!”, completa Ivone.
 
ASSEMBLEIA
Uma assembleia está marcada para segunda-feira 12, na Quadra dos Bancários, a partir das 17h. Os trabalhadores devem levar crachá do banco e documento com foto para o credenciamento. Nesta sexta-feira, às 17h, os trabalhadores reúnem-se no Comando de Greve na sede do Sindicato (Rua São Bento, 413).
 
 
Fonte: Seeb/SP
  • Whatsapp
  • Telegram

Leia Mais

FETEC-SP é uma marca registrada. Todos os Direitos Reservados.
INFOSind - A MAIOR Empresa de Gestão Sindical do Brasil