Webmail
segunda-feira, 14 de outubro de 2019

EM CIMA DA HORA

publicado em 31/10/2016

FLM ocupa prédio e descobre loja ilegal

Durante a entrada, descobriram que uma loja de tintas vizinha quebrou a parede e utilizou o espaço para estocar produtos. Os novos moradores afirmam que a loja já havia se manifestado contra ocupação
 
Integrantes da Frente de Luta por Moradia (FLM) ocuparam na madrugada de segunda-feira (31) o antigo prédio do INSS, na Avenida 9 de Julho, região central de São Paulo. Cerca de 300 pessoas participaram da ação. O prédio está sem função social desde 2001.
 
O local já foi ocupado pelo movimento sem-teto em 2001 e desocupado em 2011, após acordo. Segundo a líder do FLM e ex-moradora do prédio Preta Ferreira, desta vez a ocupação permanecerá. "Nós saímos com a promessa de que voltaríamos no ano seguinte. Mas já se passaram cinco anos e o prédio continua abandonado."
 
Durante a entrada no prédio, os ocupantes descobriram que uma loja de tintas, vizinha do edifício, quebrou a parede e utilizou o espaço para estocar produtos. Ao Democratize, os novos moradores afirmam que a loja já havia se manifestado contra a ocupação anterior.
 
Mais outros dois locais foram ocupados pelo movimento na manhã de hoje: um terreno no bairro de Guaianases, na zona leste de São Paulo, e um edifício na Avenida Ipiranga, no Centro. Não houve conflito durante a ocupação do prédio do INSS. A Polícia Militar chegou durante a entrada dos sem-teto e disse que não faria a desocupação.
 
 
  Fonte: Rede Brasil Atual, com informações do Democratize
  • Whatsapp
  • Telegram

Leia Mais

FETEC-SP é uma marca registrada. Todos os Direitos Reservados.
INFOSind - A MAIOR Empresa de Gestão Sindical do Brasil