Webmail
terça-feira, 4 de agosto de 2020

EM CIMA DA HORA

publicado em 13/09/2016

Ganho com tarifa paga 163% da folha do Itaú

Só com o que fatura com taxas cobradas de clientes, banco consegue pagar mais que uma vez e meia despesas com funcionários; bancários em greve cobram reajuste decente e proteção aos empregos
 
O Itaú, só com o que fatura com as tarifas cobradas dos clientes, cobre em 163,3% suas despesas com a folha salarial. Entre todos os cinco maiores bancos (Itaú, Bradesco, Banco do Brasil, Santander e Caixa), o Itaú é o que tem a maior diferença entre o que arrecada com taxas e o que gasta com salários.
 
Em segundo lugar aparece o Santander, que cobre 152,3%; Bradesco, com 136,7%; Banco do Brasil, 104,3%; e Caixa, 104%. Ou seja, todos os grandes bancos cobrem integralmente seus gastos com funcionários apenas com o que faturam em tarifas e ainda sobra muito para os banqueiros.
 
REAJUSTE
Mesmo com o altíssimo lucro advindo das tarifas, os bancos insistem em propor reajuste com perdas aos bancários. A categoria considera que as instituições financeiras têm todas as condições de atender a reivindicação de reajuste acima da inflação, além de manter empregos e contratar mais trabalhadores para acabar com a sobrecarga.
 
 
Fonte: Seeb/SP
  • Whatsapp
  • Telegram

Leia Mais

FETEC-SP é uma marca registrada. Todos os Direitos Reservados.
INFOSind - A MAIOR Empresa de Gestão Sindical do Brasil