Webmail
quarta-feira, 23 de outubro de 2019

EM CIMA DA HORA

publicado em 26/07/2016

Empregados da Caixa organizam protesto nacional

Situação nas agências e mobilização foram debatidas por caixas e tesoureiros durante reunião no Sindicato
 
São Paulo – Caixa e tesoureiros traçaram panorama de como pioraram as condições de trabalho nas agências da Caixa Federal nos últimos meses, principalmente em relação ao assédio moral praticado por alguns gestores. As denúncias foram feitas em reunião exclusiva com empregados nessas funções realizada no sábado 24, no Sindicato.
Os caixas relataram, por exemplo, que gerentes-gerais fazem cobranças quase que diárias e individualmente para que atinjam metas.
 
Tesoureiros disseram que constantemente recebem ordens de chefias para que, além de suas atribuições, atuem como uma espécie de “gestor de caixas”, e exijam desses empregados a venda de produtos. Além disso, sofrem com o retrabalho provocado pelos serviços que foram transferidos para a chamada área meio, mas acabam retornando para eles.
 
“Caixas, tesoureiros, avaliadores de penhor e técnicos bancários sempre tiveram forte adesão nas mobilizações e greves nas Campanhas Nacionais Unificadas. Esses ataques – por meio de assédio moral, desvio de função e ameaça de retirada de direitos – objetivam dividir esses trabalhadores e enfraquecer nossa luta”, avalia o dirigente sindical e empregado da Caixa Renato Perez. “Não podemos permitir isso e nossa resposta tem de vir por meio do aumento da unidade e dos protestos. É a única forma de defendermos nossos direitos e evitar retrocessos.”
 
Reação – Para intensificar a resistência será realizado mais um Dia Nacional de Luta em 3 de agosto – o último ocorreu em 20 de julho. “Até lá faremos novos protestos. Mas é essencial que todos se organizem nas agências e nos departamentos. Não adianta achar que alguém está livre desses ataques. Não está. Se a direção da Caixa nomeada pelo governo interino conseguir minar nossa organização, com certeza, a privatização do banco público será facilitada.”
 
 Nova reunião com caixas e tesoureiros será realizada em 20 de agosto.
 
Fonte: Seeb/SP
  • Whatsapp
  • Telegram

Leia Mais

FETEC-SP é uma marca registrada. Todos os Direitos Reservados.
INFOSind - A MAIOR Empresa de Gestão Sindical do Brasil